19.11.09

sobre cansaço e pó de pirlim pim pim (I)



Da série: Poemas inesperados
ou
do grito guardado
ou

o acaso bate à sua porta

lábios e labirintos
-emaranhados, teia, prisão-
saida

saída que se pensa
que se sonha
que se encontra

no sobre
na superfície
[na fronha]


loucura
- alistamento-
entregar-se ao momento
ao tempo,
ao vento,
ao movimento

consenso não é
exercício de gramática
equação matemática
e nem
asa-delta
voo livre
fio de alta tensão

não é o perigo
nem o abrigo

não é o se
nem o senão

pode ser música, esporte
ou falta de sorte

azar de amar a pessoa errada
-desilusão-

esconder as vergonhas
a insônia

-ultrapassar os limites-

saber-se forte
enquanto fraco
-linha reta, avesso, tchau -

saber-se mal
na bondade

correto na virtude
e na vontade

a amizade que abre portas
que bate palmas
e que faz samba para maluco
dançar

viver é isso: amar
ou estar perdido
num labirinto emaranhado
de lágrimas e lábios
naufrago
-no mar-

Um comentário:

Clauky Boom disse...

"consenso não é
exercício de gramática
(...)
não é o se
nem o senão
(...)"

consenso nem precisa
fazer sentido
sentimento amor é
até quando perdido


oi linda, saudades daqui e de vc!!!

beijo beijo