9.9.09

Afonso Henriques Neto



VOCÊ
as mulheres mais belas
habitam você
fragor do mar nos vulcões do meio-dia
espuma lunar a flutuar
fotografia que o sonho grava no invisível
(você vestida em nuvem violeta, você e um gato
branco de patas azuis, você fugindo nua
pela praia do infinito,
você dançando o som do violino-pensamento,
você de olhos de surpresa com o peixe pulsando nas mãos,
você, você)
aprender você
intacta liberdade
amor é saber leveza
no centro da tempestade

3 comentários:

pazktrobdapdrohenedraridradoquem disse...

AMOR É SABER LEVEZA
NO CENTRO DA TEMPESTADE (2)

pedrolago disse...

Todas as poetas habitam você.

a clara menina Clara disse...

Que bonito isso, Ju.
Vou te adiconar por lá.

Um beijo!