6.12.06

De Maris para minha "SENTINELA"


Sentir nela,
a sentinela
de si
sinais de amor.
Deliciosa tristeza
que trás prazeres
de querer
mais sentidos
dos que já tem,
e assim
a doida acha
que equilibrará os desejos
de uma poeta que
que vive por
sentir
sentir
sentir
Um brinde ao morango!!!

Um comentário:

maristotelica.blogspot disse...

ISSO É QUE É NAMORAR AMIGOS!
VIVER A VIDA!
VAMOS VIVER!
BEIJOS AMADA