16.10.06

fresh mint

queria escrever um poema com gosto de menta. arder sua pele com saliva refrescante. escrever um poema gelado prá você entender meu calor como é. como sou? invencível? vencida? conversível?
ávida a vida é. despertada em bolhas...folhas verde-hortelã. congelar a língua... sentir o seu gosto de céu da boca. barbante embevecido. reflexo no espelho molhado de suor. vapores soltos sabem matar sedes de sentir imagem?

2 comentários:

maristotelica.blogspot disse...

Mais um prá gente brincar1
Tô gostando...
Quer um sorvete...

jupyhollanda disse...

querooooooooooooo!!!!